Estágio nos Estados Unidos

Estágio nos Estados Unidos: como funciona e passos para aplicar

Uma maneira de adquirir experiência internacional, enriquecer o currículo e ampliar as oportunidades de carreira é fazer um estágio nos Estados Unidos.

São muitas as indústrias e empresas que abrem as portas para estagiários internacionais que buscam crescimento profissional e pessoal, desenvolvendo habilidades práticas em um ambiente de trabalho dinâmico e aprimorando o inglês.

Além de se familiarizar com a cultura corporativa americana, os participantes também formam uma rede de contatos que pode ser valiosa no futuro.

Siga a leitura para conhecer os requisitos para fazer estágio nos Estados Unidos, como funciona esse tipo de programa, qual o visto americano necessário e como aplicar.

Como fazer estágio nos Estados Unidos?

Existem dois programas de estágio nos Estados Unidos oferecidos pelo Bridge USA, do Departamento de Estado americano: Intern e Trainee.

Estudantes universitários podem realizar um programa de Intern, que exige ter completado um ano de curso.

Recém-formados, com até 12 meses da graduação, também podem buscar experiência com um programa de Intern, mas para isso devem se inscrever até 8 semanas antes do prazo de elegibilidade expirar.

Já profissionais estrangeiros com diploma superior encontram oportunidades de estágio nos Estados Unidos por meio de um programa de Trainee, que exige ao menos um ano de atuação na área.

Todos os candidatos a Trainee devem ser capazes de documentar sua experiência ocupacional atual e anterior fora dos EUA e deixar claro, com trabalho recente, que estão buscando ativamente uma carreira fora do país.

Tanto Interns quanto Trainees devem:

  • Ter pelo menos 18 anos
  • Ser aceito em um programa de intercâmbio
  • Demonstrar habilidades de comunicação em inglês
  • Comprovar fundos suficientes para se sustentar durante a estada nos EUA (incluindo moradia e custos de vida)
  • Ter visto de intercâmbio J-1.

Há inúmeras empresas que oferecem oportunidades nas áreas de:

  • Agricultura, Silvicultura e Pesca
  • Artes e Cultura
  • Construção e Comércio de Edifícios
  • Educação, Ciências Sociais, Biblioteconomia, Aconselhamento e Serviços Sociais
  • Ocupações relacionadas à Saúde
  • Hospitalidade e Turismo
  • Meios de Informação e Comunicações
  • Gestão, Negócios, Comércio e Finanças
  • Administração Pública e Direito
  • Ciências, Engenharia, Arquitetura, Matemática e Ocupações Industriais.

Como funciona o estágio nos Estados Unidos?

Os deveres e responsabilidades de um estrangeiro em programa de estágio nos Estados Unidos podem variar de acordo com o cargo ou setor.

As atividades desenvolvidas estão ligadas à sua área de estudo e atuação.

No programa de Intern, estudantes e recém-formados poderão vivenciar a cultura dos EUA e adquirir experiência prática em sua área, preenchendo a lacuna entre educação formal e mercado de trabalho.

Já profissionais com experiência poderão aprimorar habilidades e conhecimentos em suas áreas acadêmicas ou ocupacionais por meio de treinamento orientado nos programas de Trainee.

Programas de estágio nos Estados Unidos na modalidade Intern têm duração de até um ano, enquanto a modalidade Trainee pode ir até 18 meses, em sua maioria.

Descubra também como funciona a bolsa de estudos esportiva, assistindo ao vídeo abaixo:

Etapas para um estágio nos Estados Unidos

Existem duas maneiras de encontrar oportunidades de estágio nos Estados Unidos e aplicar para uma vaga: por meio de uma agência de intercâmbio ou pesquisando por conta própria.

Uma agência pesquisará vagas adequadas ao seu perfil profissional, às habilidades que deseja desenvolver e à sua área de estudo ou trabalho.

As conexões que possuem com empresas nos EUA podem facilitar a sua entrada no programa.

Além disso, estarão por trás de todo o processo de seleção, como entrevistas, e fornecerão apoio nas etapas posteriores de encontrar alojamento e até solicitar o visto de intercâmbio.

É claro que tudo isso tem um custo e, se você não quiser fazer esse investimento, poderá procurar estágios de forma independente, pesquisando em sites de empregos, das empresas onde quer atuar, no LinkedIn ou por meio da sua universidade.

Tudo isso vai exigir mais tempo e esforço, sendo que você terá que cuidar de toda a logística do processo, desde contatar empresas, encontrar oportunidades, aplicar para vagas, agendar entrevista, procurar moradia e solicitar seu visto.

Você deseja morar nos Estados Unidos?

Brasileiros têm na Vollare Immigration uma assessoria especializada em imigração e atendimento em português.



Morar e Investir nos Estados Unidos